Que loucura você faria por amor?


Vejo algumas pessoas fazendo tantas loucuras "por amor". Elas matam "por amor", morrem "por amor", fazem tatuagens "por amor", brigam com os pais "por amor", saem de casa "por amor", perdem a virgindade "por amor", fogem da escola "por amor", são rebeldes "por amor", cortam os pulsos "por amor", engravidam "por amor", abortam "por amor", bebem "por amor", se drogam "por amor", compram "por amor", fazem dívidas "por amor", e, até deixam Jesus "por amor".

Mas, eu me pergunto, que tipo de "amor" é esse?

Um "amor" que exige que façamos coisas loucas, banais, fatais, repreensíveis, marcantes e irresponsáveis?

Esse é o "amor eterno" que você deseja? A pessoa que te leva a tantos erros é a pessoa que você deseja ter por toda a sua vida?

Já ouvi e li essa frase inúmeras vezes, e, acredito que vocês também, mas, ainda assim, preciso repeti-la: "A pessoa certa é aquela que te leva para mais perto de Deus."

Use essa frase como critério.

Não faça loucuras "por amor". Não ame alguém que não "merece ser amado". Não seja alguém que não "merece ser amado". Não ame alguém que te faz pecar. Não leve alguém a pecar.

Ame alguém que ama mais a Jesus do que a você. Ame alguém que te leva a conhecê-lo melhor. Ame alguém que em vez de tentar passar dos limites com você, irá caminhar contigo nos limites que Deus exige.

E, se você é alguém que gosta de loucuras, faça-as para Jesus! Ele é o único merecedor do nosso amor sacrificial. Ame-O, obedecendo-O.

- Jamille Dória. 

2 comentários:

  1. Esse Deus é demais, quando ele ama ele age ele faz. Vamos amar soente a ti Jesus e através desse amor lindo e maravilhoso vamos amar e tocar nos coraçoes de outros. O amor de Deus é tuuuuuuudo!

    ResponderExcluir
  2. Ana Carolina Discipula de Jesus21 de outubro de 2015 18:46

    O amor é atitudes, como corresponder a um amor que nos leva ao sofrimento, ao pecado e consequentemente nos afasta de Deus. O amor é para ser cuidado e compreendido com atos diários, quem não ama e teme ao Senhor dificilmente vai poder corresponder o amor de alguém nem a si próprio. Quem não viu a pérola preciosa não conhece o amor verdadeiro e genuíno.

    ResponderExcluir